Jogando: PINBALL ARCADE no XBOX (e por que não?)

classic and retro games
O multiplataforma The PinBall Arcade foi lançado em 9 de fevereiro de 2012

Antes de pensar sobre plataforma e diferença e vantagens entre consoles, o que chamamos de Vintage e Retrô hoje em dia eram passatempos como os demais. As modalidades pra mim se diferenciavam, àquela época, pelo ambiente e tipo de interação social (multiplayer, no shopping, locadoras, bares, casa de amigos e situações mais ou menos hostis) e, no fim das contas, era sobre diversão para todas as pessoas.

Hoje em dia, é comum que jogos clássicos, vintage ou games para celular sejam desconsiderados por gamers que se consideram padrão e público-alvo mais importante. Vale lembrar que, se sua razão primeira for agredir alguém porque algo saiu do seu script  (o cabelo não mexe, os olhos não têm brilho...), é hora de procurar entreter-se, afinal diversão é a alma do negócio!


O analógico responsável por capturar nossos corações!

Quando voltei à geração de consoles corrente, eu me perguntava se fazia ou não sentido trazer a nostalgia para as novas escolhas (e digo escolhas porque temos acesso a diversos jogos comparado ao tempo). Querer algo como Super Mário Wolrd ou Crash Bandicoot. E nesse ínterim, vários jogos com aspecto clássico foram adicionados para download gratuito na Live do Xbox. Claro que eu baixei tornei a me encantar!


PINBALL ARCADE


A interface do jogo remonta à diversão oitentista de forma simples, mas altamente imersiva. Por simples, quero dizer que a equipe de desenvolvedores (aparentemente homens mesmo) optaram por investir no clima através da música e dá qualidade dos gráficos, e não em avatares.

Resultado de imagem para pinball arcade xbox one
Você pode usar o direcional para cima e escolher o tema
A interação com a máquina é perfeita: podemos balançar e causar tilt, procurar o melhor ângulo de visão e interagir com letreiros. Um aspecto digno de nota é o assoalho, de madeira meio gasta, assim como a incidência de luz perfeita.

Logo no começo do jogo, podemos escolher jogar na versão de teste ou comprar os pacotes. É surpreendente a quantidade de tempo q podemos jogar na versão gratuita, pois são várias opções de máquinas e o limite é o scoore.

Há máquinas com temáticas muito incríveis e de uma complexidade absurda. A primeira que escolhi foi a de Star Trek. Antes de começar o jogo, uma mensagem rápida informou o conceito e quem foram os desenvolvedores originais.

Resultado de imagem para pinball arcade xbox one
Nesta máquina de Strar Trek as bolas podem sumir por bastante tempo do nosso campo de visão

Curiosa, logo mais escolhi a FunHouse e fiquei abismada com o realismo de cada elemento e com a perfeição da simulação. Lembrando que o PinBall do Windows foi muito frustrante pra mim, bem como aqueles de shopping, então minhas expectativas eram bem baixas. Apesar disso, acreditei que haveria um motivo para o console tão potente ter um jogo deste tipo.

Resultado de imagem para pinball arcade xbox one
A FunHouse é realmente divertida!

Outra que escolhi foi a Haley-Davidson (pela trilha sonora, rock anos 80), mas achei meio sem graça o barulho de trânsito e, principalmente, as imagens de interação de um motociclista com uma garota em posição desfavorável. 

Apesar disso, podemos dizer que o jogo é para todos os gostos. Acertei bastante escolhendo o tema Elvira - aliás, que filme engraçado, pelo que lembro! Essa foi a máquina mais imersiva porque deu muito problema de tilt, e as palhetas travavam todo o tempo. Lá pelas tantas tentei sair, e percebi que havia no menu a opção de chamar um atendente. Ok. Solicitei a ajuda do atendente algumas vezes, mas nem isso funcionou (= erro de usuário! haha). Fiquei pensando se era a máquina em si ou os empurrões que eu dei pra impulsionar a bola.

Em suma, faz todo o sentido você se dispor a aproveitar o console pra jogar PinBall Arcade em sua versão grátis. Nem que seja para curtir um pouco e esquecer a importância dada aos troféus (Playstation) e conquistas (XBOX)! 


Confira abaixo um pouco da minha peripécia na máquina Elvira:




LEIA TAMBÉM:

Nenhum comentário

Antes de comentar, leia nossa política de comentários!

Tecnologia do Blogger.